Crítica:Accordind to Greta

08:43:00 Cinema's Challenge 2 Comments


Drama, Romance e um pouco de humor negro é tudo o que podemos ver ao assistir 'According to Greta', um filme que retrata uma jovem problemática.
Hillary Duff é Greta, uma rapariga que é enviada, pela sua mãe, para a casa dos avós no Verão. Visto assim seria bastante simples e algo quase comum, o problema é que esta foi mandada para New Jersey porque a sua instabilidade estava a ameaçar o novo casamento da sua mãe. A irreverência da adolescente de 16 anos põe todos em alvoroço, mas isso está prestes a mudar...
Não querendo ser 'spoiler', paro por aqui no que toca a descrever a história do filme.
A história tem duas fases: uma em que o argumento parece um autêntico plágio de 'Georgia Rule' e outro em que algumas revelações mudam um pouco o cerne da história.
O suicídio é parece-me ser tratado de um modo pouco sério. Às vezes, dá-se grande ênfase ao mesmo, mas, de outras vezes, é um pouco visto como o fruto de um drama caprichoso juvenil.
Não sei se o orçamento foi muito reduzido, todavia, a poucos minutos do final acontecem mil e uma coisas, como se fossem resumidas ao máximo. Perdem-se muitas cenas que deveriam ter sido desenvolvidas e exploradas; o sentido da história perde-se... O desfecho do filme,basicamente, é feito às três pancadas e põe assim fim à esperança de que fosse um bom filme para ser um filme de domingo à tarde. Contudo é agradável de se ver, é soft e, com certeza, que já muitas pessoas passaram por alguns dos dramas de 'Greta' e se irão identificar...

2 comentários:

May the force be with you!