A idade de ouro de Cusack

20:13:00 Cinema's Challenge 0 Comments


John Cusack hoje em dia é um actor que não costuma entrar em "grandes filmes". Digamos, que as suas escolhas de papéis ao longo dos anos foram gradualmente más. Em tempos já remotos, o actor deu vida a interessantes personagens em filmes controversos, mas que ficaram para a história, mesmo que na sua maioria estes pertençam ao género menos levado a sério da comédia romântica. No entanto, são vários os exemplos que vos posso dar, porém destaco dois, que vi ainda esta semana, Say Anything Special e  High Fidelity. Mas se abrirmos ainda mais o baú, chegamos a obras como Being John Malkovich,Grosse Pointe Blank, The Thin Red Line, Stand by Me, Better Off Dead, Broadcast News, Eight Men Out e Bullets Over Broadway, que ficaram nas nossas memórias e nos fazem repensar que tipo de actor é na verdade Cusack? Longe da ribalta na vida real, mas próximo dos blockbusters, é o anti-herói ou o tipo estranho na maioria dos seus filmes; digamos que foi assim que construiu em grande parte a sua carreira. Carreira que o tornou uma das caras conhecidas de Hollywood e que nunca fez grandes pausas, embora a sua presença nos media não seja constante como acontece com outras estrelas de Hollywood. No entanto, apesar de todas estas participações, o actor ainda não conseguiu entrar num filme a que se pudesse chamar "obra-prima", é o que torna mais contraproducente a carreira inicialmente tão promissora de Cusack.

Curiosamente, o actor provem de uma família que já tem uma tradição no mundo do cinema, desde o pai que era realizador e actor à sua irmã que é também actriz é já contracenou por várias vezes com o mesmo - como em High Fidelity. 

0 comments:

May the force be with you!