Natal é quando um Homem quiser

12:59:00 Cinema's Challenge 1 Comments

Existem determinados filmes adequados à época natalícia. Alguns foram feitos quase exclusivamente para essa temporada especial como é o caso do «Home Alone» ou «The Family Man» que nos deixa uma lágrima de nostalgia no canto do olho e o coração quente (mesmo que a qualidade possa ser um pouco duvidosa), porém existem outros transversais a qualquer altura do ano, em que mesmo incluindo o tema Natal, e sendo ótimos para essa época, são sempre, em qualquer dia, uma boa sugestão e/ou opção de qualidade. E são precisamente esses filmes que venho partilhar, pois, como se costuma dizer, “Natal é quando um Homem quiser” e com estas propostas pode ser em qualquer um dos 365 dias do ano.



«It’s a Wonderful Life» (1946) é um dos filmes mais comoventes relacionados com a época, uma verdadeira ode ao espírito humano e existencialismo. Realizado pelo grande Frank Capra, é um clássico natalício que encantou gerações, com uma mensagem que tem tanto de sublime como de universal: a de que nenhum homem é um fracasso quando tem amigos e família.



«The Nightmare Before Christmas» (1993) usa a técnica do stop-motion para apresentar o mundo de Jack, onde os visuais góticos desenhados por Tim Burton (argumentista e produtor) presenteiam-nos com uma estória insólita - que tem tanto de divertida como de sombria.



«Love Actually» (2003) é uma comédia romântico-dramática britânica de excelência, com a dupla mão de Richard Curtis (argumentista e realizador). Tão ecuménica como o amor, a película exibe 10 histórias independentes, que se cruzam e descruzam, mostrando diversos aspetos das relações amorosas.


«The Bishop's Wife» (1947) passa uma mensagem sentimental e poderosa: a de que a família nunca deve ser esquecida. Para além disso, conta com Cary Grant, um dos ícones do cinema clássico.



«Scrooged» (1988) é uma das muitas versões adaptadas do clássico de Charles Dickens, «A Christmas Carol». Com a única diferença de se passar num tempo contemporâneo, onde Bill Murray brilha na pele de Frank Cross, um diretor de um canal de TV, materialista e calculista que se vê obrigado a repensar toda a sua vida…



«Edward Scissorhands» (1990) roda à volta de uma personagem absolutamente fantástica e bizarra que é encontrada por uma revendedora da Avon, num castelo abandonado. Com Johnny Depp e Winona Ryder como co-protagonistas e Tim Burton na realização, o resultado é o esperado: romântico, negro e fabuloso!

Texto originalmente redigido para a Revista SPOT.











1 comentário:

  1. Me encantó tu blog es un espacio increíble, este texto también con buenas películas
    ....También saber mi blog: www.cinemaarte.blogspot.com

    ResponderEliminar

May the force be with you!